O DESCARTE

O DESCARTE

Aquele tipo de texto que reflete bem o clima de descarte, desencontro e falta de reciprocidade em alguns relacionamentos, Apesar de conviver com diversas histórias que superam tempo, distância e términos, nem sempre é fácil colar os cacos e restaurar a confiança quebrada. É que as coisas que acontecem nos transformam e junto com o sentimento que morre, morre também quem a gente era quando estava na tal relação, e até o amor que parecia existir também morre, você se dá conta que ele era apenas fruto da sua imaginação. Enfim funciona mais ou menos assim:
A pessoa some. Ela escolheu isso, e eu me sinto mal. Ótimo. Pode durar dias ou semanas, talvez meses. Depende. Procuro apenas pra saber se tudo caminha bem, como se fosse da minha conta. Recebo respostas curtas,grosserias, desdém, e me sinto ainda pior. Então começo a aceitar que, talvez, seja melhor deixar a pessoa em paz. Faço isso. Me sinto péssima por mais alguns dias. Recebo um choque de realidade. Uma injeção de adrenalina. Dormir sabendo que ao acordar, tudo estará da mesma forma. As pessoas não voltam. As pessoas não voltam enquanto eu preciso que elas voltem. Acabou. Ótimo. Não foi dessa vez. Me sinto bem, e agora sou outra pessoa. Nunca somos os mesmos após o fim, quando a história se reinicia, jogamos com outro personagem. A pessoa resolve voltar. Bom, agora não importa, eu também fiz escolhas, e me sinto bem. Ótimo. Dessa vez não houve dúvidas, minhas respostas são curtas. Devolvo embrulhado o amor que me deram. Talvez seja a hora de me deixarem em paz. Mas nunca fazem isso. Querem motivos, e eu dou um bom motivo. Cansei. Nunca aceitam que superamos a falta que nos fazem. As pessoas voltam com motivos inúteis depois de muito tempo, e ainda esperam encontrar aquilo o que abandonaram.
Boa sorte na busca, procure nos cemitérios que enterram idiotas.
Meu túmulo estará lá junto ao seu.”

Sean Wilhelm feat Rafael Lucas Vs Priscyla Poll

 

 

 

Priscyla Poll

Colunista Social, Escritora por amor, Historiadora interrompida, Fotógrafa Intermediária, Jornalista desde sempre, Autêntica, Maluca, Super Sincera. Decepcionando pessoas e Cometendo Erros, te desiludindo nas horas vagas.

Related Posts
Deixe um comentário